Bota na cal para o Marquinhos resolver

Meia, agora vestindo a 10 do Americano, já tem seis gols no ano, todos de pênalti

Bota na cal para o Marquinhos resolver

Foto: @vitorsames

O Americano tem a dupla Maikon Aquino e Claudio Maradona, que já marcou 22 gols no ano, mas a segurança da bola parada, principalmente nas cobranças de pênaltis está com Marquinhos. Em 2018 são seis penalidades convertidas e 100% de aproveitamento, cada uma com estilo diferente, dificultando a vida dos goleiros adversários.

As cobranças convertidas por Marquinhos começaram ainda na Série D do Campeonato Brasileiro. Foram quatro na competição nacional: contra Novorizontino, Uberlândia (2) e Atlético/ES. Na Série B1 do Estadual outras duas: na semifinal da Taça Santos Dumont contra o Friburguense e na última quarta-feira diante do Tigres.

Além das seis cobranças convertidas por Marquinhos, o Americano teve outras três penalidades na temporada. Maikon Aquino marcou contra Gonçalense e Carapebus, este último jogo sem a presença do cobrador oficial; e Gustavo desperdiçou na partida diante do Serra Macaense.

Com a lesão de George, Marquinhos assumiu a camisa 10 e continua sendo o responsável por fazer a saída de bola da defesa com o ataque nesta sua segunda passagem pelo Americano.